E assim terminou um clássico, o ultimo das Antas

Poucos esperavam que o Benfica ganhasse nas Antas ontem, mas raros eram os que contavam ver os jogadores encarnados ganharem o jogo pelo FCPorto, que mais não fez senão aguardar pelos erros (já previsiveis) do adversário e ser eficaz quando foi preciso (coisa que ainda não tinhamos visto a 100% esta época).
Está dado o mote, vamos ao desenvolvimento.
A falta de adeptos do Benfica nas Antas confirma a excepção à regra na deslocação do clube da Luz ao Norte do País, sempre com muita afluencia vermelha, e vem, por outro lado, deixar em duvida o motivo de tal ausência: ou têm medo de levar tareia ou então não acreditaram na vitória do clube...
Mesmo tendo apenas ouvido o jogo pela rádio, pois a Sport TV não é acessivel a qualquer povo, ouvi um Benfica a jogar e um Porto a equilibrar e a facturar.
Quem diria que o Benfica entregaria o ouro ao bandido de uma forma tão desastrada? Pois é, o Sr Argel teima em alinhar no jogo das Antas e, em cada ocorrencia, um desaire! Quando será que aprende que neste estádio não tem sorte? Por outro lado, o Sr Miguel tentou o bonito e o bonito acabou por ser o toque subtil do Derlei para as redes de Moreira. Enfim, habilidades!
Pela negativa, tenho mais uma vez a afirmar que o meio campo do Porto não está bem! Já o disse no jogo contra o Partizan e volto a frisar que o Alenitchev faz falta e que o Deco não está ainda em forma. Assim sendo, resta o Maniche que, coitado, está bem mas não chega para tudo!
Ricardo Fernandes pode vir a ser uma revelação e melhor que nunca está Ricardo Carvalho, um autêntico sr Defesa!
Fica para a história o resultado e o facto deste clássico encerrar o ciclo Estádio das Antas.

0 comentários: