Explorados!!

Não, não vos vou falar de um filme mas de milhares de portugueses que estão a ser explorados na construção civil em Espanha, de acordo com o Sindicato do sector. Se o problema não for resolvido pela via institucional, é colocada a hipótese de uma greve nos dois países.
O Sindicato da Construção Civil denuncia que entre os cerca de cinco mil homens que trabalham nas obras públicas espanholas, algumas centenas trabalham doze horas por dia e sem folgas. Ou seja, sete dias por semana.
Estes trabalhadores recebem 1800 euros quando, os colegas espanhóis, revela o sindicato, trabalham menos quatro horas por dia e ganham mais 500 euros.
Em Espanha somos piores que imigrantes de leste!!!

0 comentários: