Efeitos do Euro2004 - parte II - cidade do Porto

Como já devem ter percebido, este blog é constituido por malta do Norte, maioritariamente residente ou trabalhadora na área do grande Porto (cidade - não confundam com o não menos grandioso FCPorto, que isso é outra história, com elevado grau de grandeza, mas que deixo para outras nupcias :) ).

Por isso, convém realçar o lado positivo de todos os transtornos que a cidade foi alvo neste ultimo ano, alguns dos quais ainda em curso.

Está provado que a organização dos cidadãos do Porto, com ou sem ajuda da polémica CMPorto, muito trouxe de frutos para a remodelação e reconstrução de grande parte da cidade.
A dose de paciência, de flexibilidade, de compreensão demonstrada por todos aqueles que diáriamente conviveram com obras, buracos na rua, pó por todo o lado, transportes com atrasos, transportes alternativos e mesmo as infindáveis filas de transito e ruas com transito condicionado, estão de parabéns, pois só com tudo isso foi possivel a cidade realizar melhoramentos que há muito necessitava e que, por outro lado, vieram criar pontos de partida para novos projectos e remodelações.

Da Foz à Ribeira, de Campanha à Boavista são já várias as obras prontas e que provaram possiveis alguns impossiveis, incluindo conclusões antes dos prazos previstos.

A cidade está a ficar bonita, prática e funcional - e não vai ficar por aqui concerteza (mesmo com um atraso de anos no desenvolvimento) - para o Euro que está a chegar, mas essencialmente para quem cá fica depois do evento terminar!

Por tudo isto, parabéns ao Porto e ao seu povo que, mais uma vez, provou ser grande!

0 comentários: